BOLSONARO CRESCE E LIDERA ISOLADO ENTRE AS MULHERES, DIZ DATAFOLHA

Publicado em 04/10/2018 às 00h23

      Na primeira pesquisa do instituto Datafolha após os protestos do último final de semana, o candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, cresceu e agora lidera isolado entre as mulheres. Bolsonaro passou de 21% para 27% das intenções de voto no eleitorado feminino, enquanto Fernando Haddad (PT), o segundo colocado, oscilou negativamente, de 22% para 20%.

       O resultado da pesquisa, contratada pela TV Globo e pelo jornal Folha de S.Paulo, foi divulgado entre a noite de terça-feira 2 e a madrugada desta quarta 3 e confirmou a tendência indicada no dia anterior em um outro levantamento, promovido pelo instituto Ibope. No sábado e no domingo, grupos foram às ruas protestar contra e a favor do candidato do PSL.

        A manifestação contrária tinha como uma de suas principais pautas a crítica de que Bolsonaro é uma ameaça aos direitos das mulheres e às reivindicações do movimento feminista.

        O índice ainda é distante do que os 38% que Bolsonaro registra entre os homens, mas é o maior registrado na série de pesquisas do instituto. Em compensação, o candidato que mais cresce no segmento é Ciro Gomes (PDT), que tem 12% entre as mulheres, três a mais do que entre o eleitorado masculino.

        Outra boa notícia do Datafolha para a relação entre o presidenciável do PSL e as mulheres é a queda na taxa de rejeição do candidato, que passou de 52% para 49%. A de Haddad cresceu de 26% para 36%, dois pontos percentuais a mais do que entre os homens.

FONTE: VEJA

Enviar comentário

voltar para Blog

left show tsN fwB|left fwB tsN fsN|left show fwB c15 tsN|b01 bsd c10||image-wrap|news fwB tsN fwR tsY b01 c05 bsd|normalcase fsN fwR sbss c15|b01 c05 bsd|news login c15 sbss|tsN normalcase fwR c05|b01 normalcase c05 bsd|content-inner||