Blog

EDITORIAL:

Publicado em 06/12/2018 às 00h29

Com os resultados das eleições 2018, é natural que os segmentos sociais de GANDU, nossa região, a Bahia e o Brasil, sigam em novos rumos, vez que, os direcionamentos são arrazoados através dos resultados das eleições.
É importante e necessário se faz que, as individualidades se conscientizem que o progresso coletivo é obtido através da sensatez e da imprescindível civilidade.
Os resultados eleitorais devem servir de base para o progresso e o indistinto desenvolvimento. Que prevaleça sempre a coerência e a solidariedade pública. 
A Democracia é o Poder que emana do povo e em seu nome deve ser exercido.
Com o sentimento inabalável do exercício da Democracia plena, estaremos sempre vigilantes e, noticiaremos tudo que represente a preservação dos Direitos populares.
SEMPRE HAVERÁ PROGRESSO ONDE EXITIR SÉRIOS OBJETIVOS.
AXÉ, É ISSO AÍ !! JOEL CAVALCANTI ( OSSO DURO DE ROER) EDITOR/REDATOR DO TRADICIONAL JORNAL OPINIÃO REGIONAL E DO INDEPENDENTE WWW.BLOGOSSODURODEROER.COM.BR

Comentários (0)

O PREFEITO LÉO DE NECO ESTÁ ENCERRANDO O ANO DE 2018 COM A SUA RECONHECIDA COMPETÊNCIA E ESTÁ PREPARADO PARA O ANO 2019

Publicado em 06/12/2018 às 00h28

      O prefeito LÉO DE NECO de GANDU está encerrado o ano 2018 com um aproveitamento altamente positivo.

      Fazendo uma gestão participativa, dinâmica e progressista, o prefeito LÉO DE NECO, já tem elaborado o seu planejamento estratégico administrativo para o ano de 2019. É público e notório que a administração do prefeito LÉO DE NECO é promissora e destaca-se em todo Baixo Sul da Bahia.

     Indiferente às poucas e  " orquestradas" críticas levianas, o prefeito LÉO DE NECO continua dando sequência à sua competente e realizadora gestão.

    O prefeito LÉO DE NECO é um administrador público sério e comprometido com o desenvolvimento planejado e adequado de GANDU.

     Na sua caminhada política e administrativa, o prefeito LÉO DE NECO continua mantendo importantes contatos e parcerias à nível Municipal, Estadual e Federal. Com este digno comportamento o competente Prefeito LÉO  vem obtendo uma significativa aprovação pública neste seu evoluído e promissor Governo.

    O caminho para a concretização está na perseverança.  Uma ação que foi iniciada deve ser realizada até o fim, sem negligências ou esmorecimento. AÍ ESTÁ A ALEGRIA INFINITA DA CONCRETIZAÇÃO DOS OBJETIVOS.

     AXÉ, É ISSO AÍ !! JOEL CAVALCANTI ( OSSO DURO DE ROER) EDITOR/REDATOR DO TRADICIONAL JORNAL OPINIÃO REGIONAL E DO INDEPENDENTE WWW.BLOGOSSODURODEROER.COM.BR

Comentários (0)

PREFEITA PALLOMMA DE ITAMARI VISITA O BAIRRO DE SEREEM QUE RECEBERÁ CALÇAMENTO MUITO BREVE

Publicado em 06/12/2018 às 00h27

       Na segunda-feira (3) a prefeita PALLOMMA, juntamente com o Secretário Municipal de Planejamento, Sr. Antonio Caló, a engenheira Dra. Luana e o topógrafo Sr. Carlos, visitaram o bairro SEREEM, bairro este que receberá em curto tempo calçamento pelo projeto DESENBAHIA.

       Na oportunidade desta providencial visitação, a prefeita PALLOMMA e seus companheiros, conversaram com diversos moradores deste localidade, onde os mesmos relataram o sofrimento que passam nos períodos chuvosos, mas também, demostraram alegria por saberem que muito breve esta situação será resolvida.

        A prefeita PALLOMMA faz uma gestão comprometida com o desenvolvimento de ITAMARI e seu povo. Com determinação e competência a prefeita PALLOMMA prioriza a infraestrutura do município em todos cantos e recantos, trabalhando incansavelmente para o bem comum da coletividade.

        É oportuno ressaltarmos mais uma vez: SEMPRE HAVERÁ PROGRESSO ONDE EXISTIR SÉRIOS OBJETIVOS.

         AXÉ, É ISSO AÍ !! JOEL CAVALCANTI ( OSSO DURO DE ROER) EDITOR/REDATOR DO TRADICIONAL JORNAL OPINIÃO REGIONAL E DO INDEPENDENTE WWW.BLOGOSSODURODEROER.COM.BR

Comentários (0)

ACORDO DE CAVALHEIROS NA ASSEMBLEIA DEVE GERAR CONTA DIFÍCIL DE SER QUITADA

Publicado em 06/12/2018 às 00h26

Acordo de cavalheiros na Assembleia deve gerar conta difícil de ser quitada

    A eleição da Assembleia Legislativa da Bahia foi definida por um acordo de cavalheiros entre o PP e o PSD, com a mão pesada do governador Rui Costa ditando as regras para que o entendimento acontecesse. No entanto, publicamente, coube aos deputados candidatos chegarem ao denominador comum da candidatura de Nelson Leal (PP) à presidência do Legislativo, sob a promessa de que, em 2021, o mandato caberá a outro aliado – inicialmente Adolfo Menezes (PSD).

    Leal levou vantagem na articulação enquanto Rui esteve em viagem internacional. O progressista apresentou um número expressivo de apoios e sufocou a tentativa de crescimento dos adversários. A jogada foi arriscada e, pelos corredores, ficou implícito que o governador não gostou da postura dos aliados. Quando Rui chegou, bateu na mesa e disse que não pretendia ter a base rachada, obrigando eventuais insurgentes a engolirem a seco a preferência do petista. O resultado é que, antes do prazo dado pelo chefe do Executivo, Leal foi alçado à condição de candidato único.

     Pelo caminho, além de Adolfo Menezes, ficaram as candidaturas de Rosemberg Pinto (PT) e Alex Lima (PSB). Os dois, todavia, foram contemplados de maneiras distintas: o petista vai liderar a bancada do governo e o socialista deve herdar um espaço de destaque na mesa diretora. Para ambos, o prêmio de consolação foi útil, principalmente quando se analisa o acesso a cargos que devem dispor a partir de agora. Entre nada e um naco de poder, não há dúvidas de qual caminho seria escolhido.

     O entendimento, inclusive, sinalizou que Rui recuou do tom de que a Assembleia contaria como uma pasta na divisão de espaços no Executivo. Apesar de sempre ser levado em consideração, o Legislativo nunca tinha sito tratado tão explicitamente como um apêndice da governadoria. A mudança de postura serve também para preservar o mínimo de respeito entre os poderes da República baiana.

     Com a confirmação de Nelson Leal, o PSD perde um importante posto do jogo político local, porém conta com a promessa de que, em dois anos, voltará a controlar a Assembleia. É uma aposta de longo prazo, especialmente com o contexto de que, em 2022, Rui não será novamente candidato e haverá uma intensa disputa dentro do grupo político dele para ver quem deve sucedê-lo. O Legislativo será um bom campo para uma eventual candidatura do PSD.

      A conta dessa vitória do PP também deve ser cobrada, ainda que o acordo pela direção do Legislativo seja mantido daqui a dois anos. Os social-democratas são fortes o suficiente para estipular um preço mínimo a ser pago por progressistas, petistas e até mesmo socialistas, que foram os avalistas desse aperto de mãos. E, caso não haja cumprimento do prometido, aí o valor será estratosférico. Algo que nenhum dos envolvidos parece estar disposto a pagar.

FONTE: BN

Comentários (0)

BOLSONARO QUER VOTAR REFORMA DA PREVIDÊNCIA NO PRIMEIRO SEMESTRE

Publicado em 06/12/2018 às 00h25

[Bolsonaro quer votar reforma da Previdência no primeiro semestre]

      O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) disse, nesta quarta-feira (5), que está confiante que a reforma da Previdência começará a ser votada no primeiro semestre de 2019. Segundo ele, há a possibilidade de aproveitar parte da proposta encaminhada pelo presidente Michel Temer. A prioridade, de acordo com Bolsonaro, é fixar idade mínima.

      “Não adianta apresentarmos uma boa proposta e ela acabar ficando [parada] na Câmara ou no Senado. Este seria o pior dos quadros possíveis. Nosso grande problema, o que mais interessa no primeiro momento, é a idade mínima. Vamos começar com essa ideia e, depois, apresentar outras propostas", disse Bolsonaro, indicando que pode se reunir com o relator da proposta, o deputado federal reeleito Arthur Maia (DEM) a fim de convencê-lo a propor a votação da idade mínima.

       “A proposta [de Temer] está aí, andando. Conversando com o relator, se pode mover apenas a idade mínima e votá-la logo, sem esperar por todo o trâmite de uma nova proposta via emenda constitucional”, disse o presidente eleito, que foi condecorado com a Medalha do Pacificador com Palma, entregue pelo comandante da força, general Eduardo Villas Boas, no Quartel General da força, em Brasília.

        O futuro presidente disse ainda que, se pudesse, aprovaria novas regras para a Previdência já no dia 1º de fevereiro, quando começa a nova legislatura. “Mas temos que respeitar o calendário de tramitação de proposições. Pretendemos, logicamente, aprovar a Reforma da Previdência porque, se não a fizermos, daqui a pouco estaremos na mesma situação que a Grécia esteve há pouco tempo.”

        Bolsonaro também revelou que convidará os líderes partidários para discutir a proposta antes de enviá-la à Câmara. Ele reiterou que “não pretende fazer política da forma como era feito antes”. “Posso não saber a fórmula do sucesso, mas a do fracasso é continuarmos fazendo a política de coalizão, de repartir o Poder Executivo com o Parlamento, o qual respeitamos muito.”

        Na terça-feira (4), Bolsonaro já havia dito que pretende apresentar ao Congresso uma proposta fatida e que a definição de uma idade mínima para aposentadoria será prioridade.

Reforma tributária

          Bolsonaro afirmou também que a reforma tributária em discussão no Congresso Nacional deve ser discutida com Paulo Guedes, confirmado para o Ministério da Economia. Questionado sobre os avanços e perspectivas, ele disse que a pergunta deveria ser feita a Gudes. “Esta é uma boa pergunta para fazer ao Paulo Guedes. Porque é bastante complexo. Para entender o emaranhado da nossa legislação [tributária], é preciso ser PHD em Economia”, brincou o presidente eleito antes de voltar a defender a necessidade de flexibilizar as leis trabalhistas.

         "Quero mudar o que for possível [na legislação trabalhista]. Temos direitos demais e empregos de menos. Precisamos chegar a um equilíbrio e a reforma aprovada há pouco tempo já deu uma certa tranquilidade para os empregadores", concluiu o presidente eleito.

FONTE: BOCÃONEWS

Comentários (0)

PR INTEGRARÁ BASE DO GOVERNO BOLSONARO, DIZ LÍDER DO PARTIDO APÓS ENCONTRO

Publicado em 06/12/2018 às 00h24

Resultado de imagem para PR INTEGRARÁ BASE DO GOVERNO BOLSONARO, DIZ LÍDER DO PARTIDO APÓS ENCONTRO

       O líder do PR na Câmara dos Deputados, deputado federal José Rocha (BA), afirmou, após encontro da bancada com o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), nesta quarta-feira (5), que o partido formará a base do próximo governo.

     “Todos os deputados foram unânimes em dar esse apoio e vamos trabalhar lá na Câmara para poder transformar nosso país em um país cada vez melhor. [Seremos] Oficialmente da base do governo”, declarou Rocha.

       O líder disse que irá discutir as matérias em tramitação na Casa com toda a bancada e, embora o PR vá formar a base bolsonarista, não haverá retaliações a quem votar contra o governo. “Não vamos atuar de maneira coercitiva ou de qualquer outra maneira forçar o parlamentar ou colega de maneira que o partido está encaminhando. Vamos envidar todos os esforços no sentido do convencimento”, falou.

        Questionado sobre indicações, José Rocha afirmou que o partido não fará indicações para os dois ministérios com o cargo de titular em aberto nem para os segundo e terceiro escalões. Ele ainda negou terem discutido com Bolsonaro apoio para um candidato à Presidência da Câmara, em eleição interna no início do ano que vem.

         O MDB foi a primeira bancada partidária a ser recebida por Bolsonaro no CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil), onde a equipe de transição está instalada até a posse presidencial, em 1º de janeiro. Ontem, Bolsonaro recebeu também a bancada do PRB.

         Ambas as siglas declararam que apoiarão as medidas que julgarem melhores para o país, que têm afinidades com as propostas do pesselista, mas não declararam alinhamento automático.

         O PR foi o primeiro partido a oficialmente declarar apoio ao governo Bolsonaro. Na campanha eleitoral de outubro deste ano, porém, o PR integrou a coligação do candidato derrotado à Presidência do PSDB, Geraldo Alckmin. O tucano e ex-governador de São Paulo ficou em quarto lugar na disputa pelo Palácio do Planalto, sendo o pior resultado da história para a sigla.

 

FONTE: UOL

Comentários (0)

GOVERNADOR BAIANO APLICA MANOBRA ´JABUTI` PARA ESCONDER AUMENTO DE CONTRIBUIÇÃO MENSAL DOS SERVIDORES

Publicado em 06/12/2018 às 00h23

      A proposta polêmica anunciada pelo governador Rui Costa para aumento da alíquota de contribuição dos servidores de 12 para 14% pegou os deputados da oposição de surpresa ao chegar à Assembleia Legislativa no final de um texto aleatório de projeto de lei que atualiza taxas da Secretaria Estadual de Infraestrutura (Seinfra) e da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba).

       A manobra, conhecida no meio político como ´jabuti`, foi tratada pelos deputados como ´artimanha` do governador para tentar evitar desgastes com as discussões que o tema está despertando, e evitar mobilização da população, segundo o deputado Alan Sanches (DEM).

       O projeto teve urgência aprovada, tramitará rapidamente com queima de etapas, e a matéria deve entrar na pauta para votação na próxima semana.

FONTE: CLICK101

Comentários (0)

EM RANKING DIVULGADO PELA CBF, BAHIA LIDERA NO NORDESTE; VITÓRIA É O TERCEIRO

Publicado em 06/12/2018 às 00h22

Em ranking divulgado pela CBF, Bahia lidera no Nordeste; Vitória é o terceiro

      A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou nesta quarta-feira (5) o Ranking Nacional de Clubes de 2019. O Bahia é o clube nordestino mais bem colocado na lista. O Esquadrão figura na 15ª colocação com 8.862 pontos. Já o Vitória aparece na 17ª posição com 8.329. Entre a dupla Ba-Vi está o Sport com 8.450.  Nacionalmente, o Palmeiras se isolou na liderança após conquistar o Campeonato Brasileiro. O Verdão contabiliza 16.914 pontos. Em seguida aparece o Cruzeiro, bicampeão da Copa do Brasil, com 15.822 pontos. O Grêmio fecha o Top 3 com 14.936.  A Juazeirense, que disputou a Série C do Brasileirão em 2018 e acabou rebaixada para a Série D, é o 3º clube baiano mais bem ranqueado. O Cancão de Fogo está na 67ª com 1.176 pontos.  

Confira a colocação dos times baianos:

82º - Fluminense de Feira, 828 pontos

100º - Vitória da Conquista, 641 pontos

132º - Jacuipense, 422 pontos

178º - Jacobina, 204 pontos

187º - Galícia, 153 pontos

218º - Bahia de Feira 25 pontos

FONTE: Bahia Notícias

Comentários (0)

QUATRO EM CADA DEZ BAIANOS ESTÃO ABAIXO DA LINHA DA POBREZA, SEGUNDO IBGE

Publicado em 06/12/2018 às 00h21

Foto: Wikipedia

     Na Bahia, quatro em cada dez pessoas, que equivale 44,8% da população ou cerca de 6,9 milhões de pessoas, viviam abaixo da linha de pobreza no ano passado.  A informação foi divulgada pelo IBGE,  na manhã desta quarta-feira (5).

      O percentual de pessoas abaixo da linha de pobreza na Bahia, em 2017, ficava bem acima da média nacional (26,5% ou cerca de 55 milhões de pessoas). Era igual ao do Nordeste, onde estava a maior parte dos pobres do país (cerca de 25 milhões de pessoas abaixo da linha de pobreza), e o 8º maior entre os estados.

       Maranhão (54,1%), Alagoas (48,9%) e Amazonas (47,9%) tinham os maiores percentuais de pessoas abaixo da linha de pobreza, enquanto Santa Catarina (8,5%), Rio Grande do Sul (13,5%) e Distrito Federal (13,9%) tinham os menores.

         Em Salvador, a proporção de pessoas abaixo da linha de pobreza era quase a metade da encontrada no estado como um todo: 2 em cada 10 habitantes (24,2% da população do município, o equivalente a 715 mil pessoas).

          Era uma proporção um pouco menor que a média nacional e a 13ª mais alta entre as capitais. Macapá/AP (41,3%), Manaus/AM (35,6%) e Rio Branco/AC (33,9%) tinham os maiores percentuais de população abaixo da linha de pobreza, enquanto Florianópolis/SC (5,1%), Goiânia/GO (8,5%), Vitória/ES (8,9%) e Curitiba (9,0%) tinham os menores – todos abaixo de 10,0%.

           Em relação a 2016, o percentual de pessoas vivendo abaixo da linha da pobreza cresceu tanto no país como um todo (de 25,7% para 26,5%), quanto na Bahia (de 42,8% para 44,8%) e em Salvador (de 22,9% para 24,2%).

          Também aumentou, entre 2016 e 2017, o hiato da pobreza, ou seja, a distância (em %) entre o rendimento médio das pessoas abaixo da linha de pobreza e o valor limite dessa linha (R$ 406 mensais em 2017).

          Em 2017, no Brasil, as pessoas abaixo da linha de pobreza tinham rendimento em média 12,1% menor que o valor limite, frente a uma distância de 11,5% em 2016. Na Bahia, o hiato de pobreza aumentou de 20,2% em 2016 para 22,5% em 2017; já em Salvador, a distância cresceu de 9,5% para 11,5%, de um ano para o outro.

FONTE: BAHIA.BA

Comentários (0)

NOVA FASE DA LAVA JATO MIRA ÁREA DE TRADING DA PETROBRAS

Publicado em 06/12/2018 às 00h20

Foto: Rovena Rosa/ Agência Brasil

       Em mais uma fase da Operação Lava Jato, batizada de “Sem Limites”, deflagrada na manhã desta quinta-feira (5), a Polícia Federal (PF) investiga uma organização criminosa estruturada que agia para lesar a Petrobras na área de trading.

        São cumpridos 11 mandados de prisão preventiva por tempo indeterminado, e 26 de busca e apreensão.

        É a 57ª fase da operação. Até o momento, cinco pessoas foram presas. Dez mandados de prisão devem ser cumpridos no Rio de Janeiro (RJ) e um em Petrópolis (RJ).

         Entre os detidos, estão os advogados Gustavo Buffara Bueno e André Luiz dos Santos Paza, segundo o G1.

         A área de trading faz negócios de compra e venda de petróleo e derivados da companhia por empresas estrangeiras.

FONTE: BAHIA.BA

Comentários (0)

left show tsN fwB|left fwB tsN fsN|left show fwB c15 tsN|b01 bsd c10||image-wrap|news fwB tsN fwR tsY b01 c05 bsd|normalcase fsN fwR sbss c15|b01 c05 bsd|news login c15 sbss|tsN normalcase fwR c05|b01 normalcase c05 bsd|content-inner||