Blog

EDITORIAL:

Publicado em 24/01/2019 às 00h29

Com os resultados das eleições 2018, é natural que os segmentos sociais de GANDU, nossa região, a Bahia e o Brasil, sigam em novos rumos, vez que, os direcionamentos são arrazoados através dos resultados das eleições.
É importante e necessário se faz que, as individualidades se conscientizem que o progresso coletivo é obtido através da sensatez e da imprescindível civilidade.
Os resultados eleitorais devem servir de base para o progresso e o indistinto desenvolvimento. Que prevaleça sempre a coerência e a solidariedade pública. 
A Democracia é o Poder que emana do povo e em seu nome deve ser exercido.
Com o sentimento inabalável do exercício da Democracia plena, estaremos sempre vigilantes e, noticiaremos tudo que represente a preservação dos Direitos populares.
SEMPRE HAVERÁ PROGRESSO ONDE EXITIR SÉRIOS OBJETIVOS.
AXÉ, É ISSO AÍ !! JOEL CAVALCANTI ( OSSO DURO DE ROER) EDITOR/REDATOR DO TRADICIONAL JORNAL OPINIÃO REGIONAL E DO INDEPENDENTE WWW.BLOGOSSODURODEROER.COM.BR

Comentários (0)

VEREADORES DE GANDU CONTINUAM CUMPRINDO SUAS FUNÇÕES INDEPENDENTE DE IRREFLITIDAS CRÍTICAS

Publicado em 24/01/2019 às 00h28

     Os vereadores que compõem a atual Legislatura Ganduense, continuam incansavelmente cumprindo às suas respectivas funções Legislativas e Políticas, visando prioritariamente o serviço social abrangente na coletividade ganduense.

     O Poder Legislativo Municipal é de grande relevância em todo o contexto social e político das municipalidades.

     Cada vereador atua em vários setores de beneficiamento público da coletividade Municipal. É o político mais requisitado pelo eleitorado do Município.

     É injusto e muitas vezes levianas, as críticas descabidas, dirigidas através de setores do Município, à esta operosa classe. É com consciência de causa que afirmamos que o vereador, dentro dos limites das suas possibilidades, contribuem significativamente com as ações e realizações do Poder Executivo Municipal.

     É oportuno ressaltarmos mais uma vez: É SÁBIO OLHAR PARA TRÁS: É AVALIANDO A TORTUOSIDADE DE NOSSAS PEGADAS QUE PODEREMOS GARANTIR UM CAMINHO RETO DE VITÓRIA PARA O FUTURO.

     AXÉ, É ISSO AÍ !! JOEL CAVALCANTI (OSSO DURO DE ROER)EDITOR/REDATOR DO TRADICIONAL JORNAL OPINIÃO REGIONAL E DO INDEPENDENTE WWW.BLOGOSSODURODEROER.COM.BR

REPUBLICAÇÃO A PEDIDOS

Comentários (0)

A PAVIMENTAÇÃO DAS RUAS DO BAIRRO ALIANÇA EM WENCESLAU GUIMARÃES ESTÁ EM FASE DE COMPLEMENTAÇÃO

Publicado em 24/01/2019 às 00h27

     No comando do prefeito KAKÁ de WENCESLAU GUIMARÃES, a pavimentação das ruas do Bairro Aliança está cada vez mais adiantado.

     Os moradores do bairro Aliança e adjacências, se encontram felizes, em razão da motivação e disposição administrativa do prefeito KAKÁ.

    Os munícipes de WENCESLAU GUIMARÃES, manifestam sua alegria, vez que, o prefeito KAKÁ continua cumprindo às suas promessas de campanha.

    Todos setores essenciais do Município de WENCESLAU GUIMARÃES, são initerruptamente assistidos pela responsabilidade administrativa do dinâmico Prefeito KAKÁ. Ações e realizações são constantes na gestão do prefeito KAKÁ e, o progresso é assegurado à Wenceslau Guimarães e seu povo.

    Neste ano de 2019, muitas conquistas virão para a aceleração do desenvolvimento deste próspero Município.

    SEMPRE HAVERÁ PROGRESSO E DESENVOLVIMENTO ONDE EXISTIR SÉRIOS OBJETIVOS.

    AXÉ, É ISSO AÍ !! JOEL CAVALCANTI ( OSSO DURO DE ROER)EDITOR/REDATOR DO TRADICIONAL JORNAL OPINIÃO REGIONAL E DO INDEPENDENTE WWW.BLOGOSSODURODEROER.COM.BR

Comentários (0)

MAIS DE 90% DOS MUNICÍPIOS BAIANOS INVESTEM ABAIXO DA MÉDIA NACIONAL NA SAÚDE

Publicado em 24/01/2019 às 00h26

Mais de 90% dos municípios baianos investem abaixo da média nacional na saúde

     Do total de 417 municípios baianos, 391 fizeram investimentos abaixo da média nacional (R$ 403,37) na saúde de cada habitante durante o ano de 2017. Os dados foram divulgados na última segunda-feira (21) pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e são referentes às declarações no Sistema de Informações sobre os Orçamentos Públicos em Saúde (Siops), do Ministério da Saúde.

    O levantamento mostra que, naquele ano, o maior valor aplicado por um gestor municipal da Bahia, com recursos próprios, em Ações e Serviços Públicos de Saúde (ASPS), foi de R$ 2.017 por habitante, em São Francisco do Conde. Em seguida, aparecem Madre de Deus (R$ 1.216,95) e São Desidério (R$ 912,07).

    Do lado oposto do ranking está Conceição do Coité. O município investiu apenas R$ 122,84 por cada morador. Na penúltima posição aparece Valença (R$ 124,56), seguida de Santo Amaro (R$ 129,31).

    Considerando-se apenas a Bahia, a média de investimento foi de R$ 470,66 por pessoa. A média estadual de 2017 é ligeiramente maior do que a registrada nos dois anos anteriores: R$ 459,19 em 2016 e R$ 464,64 em 2015.

INVESTIMENTOS DA CAPITAL

    Ao contrário do que se pode imaginar, a capital do estado, Salvador, está entre os municípios com investimento abaixo da média nacional, ocupando a 180ª posição. Segundo os dados do CFM o gasto por habitante, em 2017, foi de R$ 243,40. Em novembro de 2018, o CFM já havia apontado Salvador como a terceira capital com pior investimento médio em saúde por habitante (veja aqui), à frente apenas de Rio Branco (R$ 214,36) e Macapá (R$ 156,67).

   "No referido ano, a capital baiana investiu cerca de 20% de toda arrecadação da Prefeitura na área da saúde, percentual superior aos 15% constitucionais obrigatórios pela legislação. No ano passado, a gestão aportou um incremento de 10% em relação ao exercício anterior, finalizando 2018 com um investimento de 950 milhões provenientes exclusivamente do tesouro municipal", afirma a SMS.

    O secretário municipal da pasta, Luiz Galvão, destacou ainda que a cobertura de atenção básica aumentou de 18% para 50% e que a prefeitura avançou com a construção de oito UPAS, quatro multicentros; a construção e requalificação de 208 postos de saúde; a contratação de 3,8 mil profissionais; a ampliação da oferta de exames e consultas especializadas na rede contratualizada; e a entrega do primeiro Hospital Municipal de Salvador.

   “A escassez dos recursos da União para os municípios vem pressionando as prefeituras a fazerem mais investimentos no setor com dinheiro próprio. E vejo esse dado com outros olhos. Se Salvador recebe menos recursos que outras capitais, e somos a capital que mais avançou nos seus indicadores, isso significa que houve uma gestão eficiente do gasto. Se tivéssemos sido contemplados com um volume maior de recursos, o cidadão soteropolitano teria sentido menos os impactos dessa falta de investimentos na área por parte do Governo Federal”, defende o secretário.

DADOS NACIONAIS

    O levantamento mostra ainda que os municípios menores, em termos populacionais, apresentam uma maior despesa per capita. Em 2017, nas cidades com menos de 5 mil habitantes, as prefeituras gastaram em média R$ 779,21 na saúde de cada cidadão.

    Entre os mais altos valores por pessoa, estão as duas menores cidades do país. Com apenas 839 habitantes, Borá (SP) lidera o ranking municipal, tendo aplicado R$ 2.971,92. Em segundo lugar, aparece Serra da Saudade (MG), cujas despesas em ações e serviços de saúde alcançaram R$ 2.764,19 por pessoa.

     Na outra ponta, entre os que tiveram menor desempenho nacional na aplicação de recursos, estão três cidades de médio e grande porte, todas situadas no estado do Pará: Cametá (R$ 67,54), Bragança (R$ 71,21) e Ananindeua (R$ 76,83).

FONTE: BN

Comentários (0)

CHEFE DO LEGISLATIVO VENEZUELANO FAZ JURAMENTO COMO PRESIDENTE INTERINO

Publicado em 24/01/2019 às 00h25

Chefe do Legislativo venezuelano faz juramento como presidente interino

     Mão aberta levantada, Juan Guaidó, 35, jurou encarregar-se do poder Executivo da Venezuela, às 13h44 da tarde (horário local, 15h44 em Brasília), sendo muito aplaudido no palco armado em Chacao, no lado leste de Caracas. Em seguida, o presidente dos EUA, Donald Trump, reconheceu Guaidó como presidente interino do país latino-americano.

    "Sabemos que isso vai ter consequências. Mas não vamos permitir que se desinfle esse movimento de esperança, que seguirá ainda por dias, semanas ou meses, e por isso peço a todos os venezuelanos que juremos como irmãos que não descansaremos até alcançar a liberdade."

     O presidente da Assembleia Legislativa anunciou que, no próximo fim de semana, serão apresentados o plano de anistia e o programa para a transição que se dará caso seja possível remover Nicolás Maduro do cargo. Contou que a Assembleia Nacional esteve trabalhando "incansavelmente" nesse projeto nos últimos dias.

     Disse que contava com o apoio do "chavismo dissidente" e que não haveria perseguição num momento "de união para o bem de nosso país".

     Afirmou que no próximo domingo, a Venezuela seria já um outro país e pediu que todos o acompanhassem cantando o hino nacional, que começou então a ser executado.

     Por volta das 11h locais, porém, o Tribunal Supremo de Justiça, ligado a Maduro, declarou que a Assembleia Nacional atacava a Constituição "ao tentar usurpar o poder do presidente da República".

    Também disse que o órgão não tem autoridade para escolher representantes em organismos internacionais, como a Assembleia Legislativa fez na terça-feira (22), nomeando um representante para a OEA (Organização dos Estados Americanos), que aliás já viajou hoje para um encontro com o secretário-geral, Luis Almagro.

    O Tribunal voltou a declarar que as atitudes do parlamento são nulas e que atentam contra a Constituição. "A Assembleia segue violando o texto constitucional e portanto continua sendo considerado que está em desacato", disse Juan Jose Mendoza. Terminou sua fala dizendo, ainda, que o Ministério Público do país estava encarregado de fazer as acusações formais contra a Assembleia, nos próximos dias.

    Enquanto isso, em Caracas e em várias capitais, houve manifestações durante toda a manhã, sem enfrentamentos e, em geral, pacíficas. Os distúrbios estiveram concentrados na madrugada, quando quatro pessoas foram mortas em Catia, em El Junquito e na estrada que liga La Guaira a Caracas.

FONTE: BN

Comentários (0)

GOVERNO BRASILEIRO RECONHECE JUAN GUAIDÓ COMO PRESIDENTE DA VENEZUELA

Publicado em 24/01/2019 às 00h24

Governo brasileiro reconhece Juan Guaidó como presidente da Venezuela

     O governo brasileiro reconheceu Juan Guaidó como presidente da Venezuela. Uma nota divulgada pelo Ministério das Relações Exteriores e pelo presidente Jair Bolsonaro diz que o Brasil vai apoiar o país vizinho politica e economicamente.

    Guaidó é presidente da Assembleia Nacional da Venezuela e líder da oposição. Ele se declarou presidente interino do país na tarde desta quarta-feira (23) durante protestos contra o governo de Nicolás Maduro na capital Caracas.

   "O Brasil reconhece o Senhor Juan Guaidó como Presidente Encarregado da Venezuela", diz o texto. "O Brasil apoiará política e economicamente o processo de transição para que a democracia e a paz social voltem à Venezuela", acrescenta a nota.

FONTE: BAHIA NOTÍCIAS

Comentários (0)

RUI: CONTRATOS DO VLT DO SUBÚRBIO DEVEM SER ASSINADOS ‘NOS PRÓXIMOS DIAS’

Publicado em 24/01/2019 às 00h23

Foto: Divulgação/ Casa Civil

     O governador Rui Costa prometeu, na noite de terça-feira (22), durante o “Papo Correria”, que os contratos para construção da obra do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) do Subúrbio, de Simões Filho a Salvador, devem ser assinados em breve.

    “A gente deve assinar os contratos nos próximos dias e as obras começam em seguida. O VLT sairá da Ilha de São João, em Simões Filho, passando pelo Subúrbio e chegando ao Comércio.  Vamos garantir que ele chegue à estação do metrô no Retiro”, disse o governador.

    O anúncio de Rui ocorre após a desembargadora Rosita Falcão, do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) ter derrubado a decisão do plenário do Tribunal de Contas do Estado (TCE) de suspender a licitação para Parceria Público-Privada (PPP) do VLT. A informação foi confirmada pela Casa Civil do governo do Estado.

    Suspensão – A decisão do plenário do TCE manteve medida cautelar do relator do processo, Pedro Henrique Lino, levando em conta a possibilidade de grave prejuízo ao erário e ao interesse público.

    Ele atendeu a uma solicitação da equipe de auditores da 7ª Coordenadoria de Controle Externo do TCE/BA, ante a existência de indícios de irregularidades no planejamento e na licitação realizada para a Parceria Público Privada (PPP).

FONTE: BAHIA.BA

Comentários (0)

BOLSONARO DIZ A EMPRESÁRIOS QUE QUER RESTABELECER CONFIANÇA E CONTAR COM CONGRESSO

Publicado em 24/01/2019 às 00h22

Bolsonaro diz a empresários que quer restabelecer confiança e contar com Congresso

     Em discurso na noite desta terça-feira (22) durante jantar em sua homenagem no Fórum Econômico Mundial, que acontece nesta semana em Davos (Suíça), o presidente Jair Bolsonaro (PSL) disse querer reestabelecer a confiança no Brasil.

    Em tom de brincadeira, Bolsonaro obteve risadas da plateia ao dizer que no evento contava com US$ 23 trilhões (em referência ao patrimônio dos presentes e das organizações que representam) e que, para o Brasil, bastaria 10% disso.

    No discurso de pouco mais de três minutos, que teve sua gravação em vídeo divulgada pelo presidente no Twitter, Bolsonaro afirmou que o Brasil flertava com a esquerda. Segundo ele, a população disse que não quer mais o comunismo.

    O presidente brasileiro afirmou ter montado uma boa equipe para administrar o país, em especial na economia. Também disse esperar o apoio do Congresso e lembrou da necessidade de reformas, como a da Previdência.

    Mais cedo, Bolsonaro também discursou em auditório com capacidade de receber 1.259 espectadores, em sua primeira participação em um palco internacional como presidente.

    A sessão durou 15 minutos, e Bolsonaro respondeu a perguntas feitas por Klaus Schwab, presidente do Fórum Econômico Mundial.

FONTE: BAHIANOTÍCIAS

Comentários (0)

'SE ELE ERROU E ISSO FICAR PROVADO, EU LAMENTO COMO PAI, MAS ELE VAI TER QUE PAGAR', DIZ BOLSONARO SOBRE FLÁVIO

Publicado em 24/01/2019 às 00h21

O presidente Jair Bolsonaro durante discurso nesta terça (22), no Fórum Econômico Mundial, em Davos — Foto: Fabrice Coffrini/AFP

       Em entrevista nesta quarta-feira (23) para a agência de notícias Bloomberg, em Davos, na Suíça, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que se o seu filho mais velho, o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), errou e, se for provado que errou, ele "vai ter que pagar" pelos atos dele.

       Flávio Bolsonaro é figura no noticiário nacional desde que um relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) mostrou que Fabrício Queiroz, ex-assessor e ex-motorista do senador eleito, movimentou R$ 1,2 milhão em sua conta de maneira considerada "atípica".

      Bolsonaro está em Davos, na Suíça, onde participa do Fórum Econômico Mundial. Bolsonaro chegou à cidade nesta segunda-feira (21) e nesta terça (22) discursou na abertura da sessão plenária do Fórum.

     Na entrevista para a Bloomberg, Bolsonaro também disse que as reformas econômicas são necessárias para que o Brasil não se torne uma Venezuela - o país enfrenta um quadro recessivo e de hiperinflação.

    "O Brasil tem de dar certo. Se não, a esquerda vai voltar (ao poder) e não vamos saber o destino do Brasil, talvez se torne mais parecido com o regime que temos na Venezuela", disse.

     A reforma da Previdência é considerada essencial pelos investidores para o acerto das contas públicas. Segundo Bolsonaro, a proposta a ser enviada para o Congresso terá cortes "substanciais" nos gastos previdenciários e vai definir uma idade mínima.

    Já a alteração na legislação previdenciária dos militares vai ser feita apenas "em uma segunda parte da reforma", de acordo com o presidente.

FONTE: G1

Comentários (0)

BOLSONARO CANCELA COLETIVA EM DAVOS

Publicado em 24/01/2019 às 00h20

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

     O presidente Jair Bolsonaro cancelou uma entrevista coletiva nesta quarta-feira (23), em Davos, no Fórum Econômico Mundial, após retornar de uma reunião com o presidente da Suíça, Ueli Mauer, e com o ex-premiê britânico, Tony Blair, e de almoçar com investidores e apresentar os prospectos para o Brasil.

    Em seguida, em vez de ir ao centro de imprensa, onde faria um pronunciamento seguido de entrevista coletiva com os ministros Paulo Guedes (Economia) e Sérgio Moro (Justiça), o chefe do Palácio do Planalto voltou ao hotel.

    Segundo a Folha, o assessor da Presidência Tiago Pereira Gonçalves disse a repórteres que esperavam Bolsonaro no hotel que o cancelamento ocorreu por causa da “abordagem antiprofissional da imprensa”.

    Em entrevista à agência Bloomberg nesta quarta, o presidente disse que seu filho Flávio Bolsonaro terá que “pagar o preço”, caso tenha cometido crime no caso que envolve movimentações atípicas em sua conta.

     Depois disso, jornalistas brasileiros tentam abordar o assunto com Bolsonaro, que tem permanecido em silêncio.

FONTE: BAHIA.BA

Comentários (0)

left show tsN fwB|left fwB tsN fsN|left show fwB c15 tsN|b01 bsd c10||image-wrap|news fwB tsN fwR tsY b01 c05 bsd|normalcase fsN fwR sbss c15|b01 c05 bsd|news login c15 sbss|tsN normalcase fwR c05|b01 normalcase c05 bsd|content-inner||